Diário Angolano

Voltar Está em... Início Política Revús Movimento Revolucionário convoca manifestação contra as injustiças sociais em Angola

Movimento Revolucionário convoca manifestação contra as injustiças sociais em Angola

movimento revolucionario manifNo Domingo, 25 de Agosto de 2013, membros dos Núcleos Revolucionários municipais do Movimento Revolucionário reuniram-se no Município do Sambizanga em Luanda e após analisarem a situação político-social e económica do país, o Movimento decidiu convocar uma manifestação CONTRA AS INJUSTIÇAS SOCIAIS EM ANGOLA a ser realizada a partir das 15 horas na Quinta-feira, dia 19 de Setembro de 2013 no Largo da Independência, em Luanda.

Em matéria de debate sobre as INJUSTIÇAS SOCIAIS EM ANGOLA, o Movimento Revolucionário realçou as seguintes preocupações:

1. O desaparecimento inexplicado de Isaías Cassule e Álves Kamulingue.

2. A seca e a fome no sul de Angola.

3. As contínuas demolições e desalojamentos forçados das nossas populações indefesas e a ocupação sistemática e privatização dos nossos terrenos pela camada governativa e corporativa.

4. As constantes violações dos direitos e da dignidade humana das nossas zungueiras (vendedoras ambulantes).

5. O total abandono ou exclusão social dos nossos antigos combatentes e veteranos da pátria, e o magro salário dos agentes da Polícia Nacional, das FAA e outros agentes da ordem e segurança pública.

6. Os maus serviços corruptos e ineficientes providenciados em condições inapropriados pelos sectores da educação e saúde através da incompetência governativa do regime Angolano.

7. A crescente e insistente intolerância política e violação do direito a liberdade de expressão contra opositores e críticos do regime do MPLA de José Eduardo dos Santos.

8. O abuso de poderes e incompetência por parte do Presidente da República, José Eduardo dos Santos, na promulgação de Decretos Presidenciais em casos de projectos de grandes envergaduras nacionais, como o Fundo Soberano Angolano, sem a consulta do órgão legislativo do Governo, o Parlamento, e da sociedade civil, e a nomeação de figuras em cargos públicos na base do nepotismo, favorecendo os seus familiares e amigos, como foi o caso da nomeação do seu filho, José Filomeno dos Santos “Zénu”, na liderança do mesmo fundo soberano.

O Movimento Revolucionário também serve-se deste comunicado para convidar o povo Angolano, os partidos políticos e a sociedade civil em geral a participar nesta manifestação pacífica de índole nacional.

Em plena manifestação no Largo da Independência, no dia 19 de Setembro de 2013, o Movimento irá dirigir uma carta aberta ao regime de José Eduardo dos Santos, propondo soluções para as preocupações a cima mencionadas.

Cordiais saudações

 

O Movimento Revolucionário,
Luanda, aos 25 de Agosto de 2013

Contactos:
+244 924 176 661 / +244 912 691 721
+244 924 254 782 / +244 915 867 054
E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita activar o JavaScript para o visualizar.

Voltar
Por favor faça login para comentar
  • Nenhum comentário encontrado