Diário Angolano

Voltar Está em... Início Opinião

A reforma tributária e a problemática dos crimes fiscais

problematica2A tributação acompanhou a história da humanidade e conquistou, na organização estadual dos dias de hoje, um lugar poderoso e inevitável: o imposto constitui o principal meio de financiamento das despesas públicas, cada vez maiores pelas necessidades de um Estado social de direito.

Governo angolano perspectivou políticas económico-financeiras não exequíveis!

exequiveisO funcionamento das instituições financeiras são objectivamente oportunistas, todos nós sabemos, que, os bancos oferecem um chouriço quando perspectivam o ganho de um porco e, gordo.

Bater no ferro quente

valterCom a permissão, mais uma vez de Ndunduma (que a terra lhe seja leve), pelos direitos autorais e num gesto de grande coragem num assunto melindroso, cá estou eu para "bater no ferro quente". Normalmente não sou ouvido, mas julgo que a partir de hoje serei.

A Euráfrica

euro africaAs preocupações explícitas de intervenções governamentais europeias, que acumulam as oportunidades de se ocupar do passado em termos de suavizarem as perplexidades com que visivelmente se defrontam para assumir o seu já longo presente, repetem o modelo, tantas vezes repetido, quando é evidente que a bússola não funciona.

A primeira vida de Hugo Chávez

hugo chavezAs mais de 700 páginas do livro de Ignácio Ramonet são lidas com muito interesse, pela trajetória de Hugo Chavez e pela sua imensa sensibilidade política.

O jogo especulativo final

especulacao finalA "paralisação" do governo e o "incumprimento da dívida" – uma benesse de muitos milhares de milhões para a Wall Street

Construir a soberania económica

porto luandaEm tempos em que a crise económica e financeira tende a volatilizar conceitos e a remetê-los quase que irremediavelmente para as prateleiras das palavras esquecidas dos dicionários políticos, em tempos em que a globalização quer impor-se inexoravelmente e tornar difusas as fronteiras, não respeitando especificidades e outras vontades, havendo quem cegamente vá batendo palmas e não se importe em contentar-se com as migalhas dos destroços, falar da construção da soberania económica é uma tarefa que se impõe.

"O crescimento económico não foi bem distribuído"

carlos rosadoO crescimento económico em Angola não tem sido bem distribuído, disse o economista Carlos Rosado de Carvalho no programa Fala Só.

Suicídio Saudita

suicidio sauditaNo momento em que a Arábia Saudita retomou, à sua conta, o plano catari de derrube do regime laico sírio, Riade parece incapaz de se adaptar ao súbito recuo dos EU. Não apenas recusa o acordo russo-americano, mas prossegue a guerra e anuncia medidas de retaliação para «punir» os Estados Unidos.

Asco

ascoEram jovens atraentes, curvilíneas, verdadeiras “capas de revista”, porque nelas algumas tinham posado publicamente.